CHAMADOS PARA O MINISTÉRIO DO SENHOR


CHAMADOS PARA O MINISTÉRIO DO SENHOR

(Mateus 19: 27 a 29)

 Por Suzy Roriz  (abertura da celebração dia 11/07/11)

Irmãos, estamos reunidos, mais uma vez, como Igreja, nesta Celebração, em nome de Jesus. No próximo domingo, estaremos comemorando 1 (um) ano de Celebração continuada, neste lugar. Deus nos ama e nos  acompanha, todos os dias.

A Ele prestamos toda a honra e toda a glória.

Nós fomos chamados para sermos servos de Jesus. Este é o nosso Ministério. Esta é a nossa vocação: a de proclamar a todas as pessoas o que Deus pode fazer em suas vidas. Para tanto, devemos testemunhar sobre o que Deus fez em nossas próprias vidas.

Há algo mais importante do que isto?  As riquezas materiais, por acaso?

A Bíblia fala de um homem, que colheu uma grande quantidade de cereais e encheu os seus grandes armazéns, dizendo: Minha alma, tens em depósito muitos bens, para muitos anos. Agora, é só viver na fartura: comer, beber, … e fazer muita festa!. A vocação daquele homem era a de acumular bens materiais… ele queria ficar rico …  e ficou.

Mas, o que aconteceu a esse homem? Ele ouviu a voz de Deus, dizendo-lhe: “Louco, esta noite te pedirão a tua vida; e, então, a riqueza que você conseguiu conquistar, … pra quem vai ficar?

Não há nada mais importante do que a vida plena que Deus nos dá em Cristo. Esta é a verdadeira riqueza.

O nosso ministério é o de anunciar e distribuir essa plenitude de Deus, ou seja, a fortuna que temos que a morte não nos pode tirar: a preciosidade de transmitir a todos a Graça de Jesus. Que bênção! Como é bom participar deste Ministério glorioso!.   

A serviço desse Ministério devemos depor, no altar, os nossos dons e talentos, a nossa formação intelectual e profissional; as nossas famílias, os nossos recursos materiais, enfim, o nosso “TUDO” – tudo o que temos e somos, aos pés do Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.  Somos pequenos, humanos, limitados e pecadores. Contudo, o Senhor nos capacita. Realmente, somos fracos. Mas, Ele faz de nossa fraqueza FORÇA.

O apóstolo Pedro, no texto que lemos (v. referência acima), logo deixou claro que aprendeu a lição (com um pouco de “santo” orgulho, provavelmente), quando disse: “Senhor, deixamos tudo para te servir!”. A palavra “tudo”, outra vez, tem o significado de entregar a totalidade dos bens e a própria vida. Os discípulos haviam deixado suas redes, seus barcos e suas tralhas de pescaria, sua profissão e seu ganha-pão, seu lar, para seguir Jesus, atendendo ao chamado do Mestre – foi isso que o Apóstolo Pedro fez questão de esclarecer. Ele foi sincero, quando disse aquilo, em nome de todos os discípulos de Jesus. Eles desejavam ouvir o que o Senhor tinha a comentar, sobre a decisão radical, que eles haviam tomado, de deixar tudo para segui-LO. E, realmente, foi confortadora a PALAVRA DE JESUS, como que em resposta àquele desabafo de Pedro, em nome de todos os que foram desafiados e se dispuseram àquela aparente aventura.  

Jesus não achou o argumento de Pedro ruim. Ele não julgou que aquela palavra de Pedro significasse uma cobrança indevida. Pelo contrário: Jesus aceitou aquela declaração, que revelava o sentimento dos corações de seus discípulos.

 Será que Pedro havia entendido tudo? Jesus terminara de fazer uma estranha promessa, muito atraente, mas, ao mesmo tempo, assustadora:  “Quem deixar pai, mãe, filho, filha, campos e muito mais, para segui-LO, receberia já aqui na terra cem vezes mais (fazendo uma referência à comunhão dos crentes e, portanto, à Igreja, que é o corpo de Cristo). Jesus prometeu CEM VEZES MAIS!. 

Estaria JESUS falando da moderna TEOLOGIA DA PROSPERIDADE? Jesus estaria prometendo multiplicar bens materiais e principalmente dinheiro, cem vezes mais?   Claro que não!.    A promessa era a de multiplicar 100 vezes o Ministério daqueles seguidores Seus e, conseqüentemente, prometeu multiplicar o nosso Ministério.

Jesus anunciava a “Teologia da Cruz”, como declarou Lutero, muito tempo depois: 100 vezes mais devoção; 100 vezes mais sujeições às perseguições; 100 vezes mais lutas; 100 vezes mais dificuldades e agruras; 100 vezes mais paixão pelas almas; 100 vezes mais amor aos perdidos! 

Porém, 100 vezes mais bênçãos e alegrias, em Cristo Jesus! 100 vezes mais satisfação e contentamento; 100 vezes mais emoção, ao ver que, a cada dia, novas pessoas eram (e continuam sendo) resgatadas de suas vidas sem esperança, para a maravilhosa LUZ do Salvador Jesus Cristo, tornando-se 100 vezes mais servos do Senhor.

Aleluia!  No futuro, diz a promessa: a VIDA ETERNA, a plenitude do REINO, a vida real, com CRISTO – uma realidade belíssima, que desde já podemos experimentar, aqui e agora, de fé em fé, ou seja, rompendo em fé.  Glória a Deus!

Para cumprir esse Ministério, NUNCA estaremos sozinhos! JESUS derramou sobre nós o Espírito Santo, que é Deus.  É verdade: Se deixarmos o Espírito Santo trabalhar em nossas vidas; se pedirmos a Ele que faça morada em nós;  se estivermos dispostos a cumprir o SEU QUERER; se adotarmos o CARÁTER do Espírito Santo; e se permitirmos que SUA SANTIDADE marque o nosso viver;  a unção fluirá: Ele soprará, sobre todos nós, o Seu PODER.

Este é o chamado que recebemos: deixar tudo, para seguir a CRISTO. Ele nos convoca para o seu serviço real. Esta é a nossa vocação: a vocação que nos reúne, aqui, neste lugar, porque confiamos nas promessas do Senhor e sabemos que somos conduzidos pelo Espírito Santo, que nos fortalece; e, como já declarei acima, temos a convicção absoluta de que o Senhor nos capacita, para exercermos com amor e dignidade o Ministério que nos está proposto.

Finalmente, Deus Pai é FIEL, o Espírito Santo é Fiel e Jesus Cristo é Fiel e Justo, para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda a injustiça.

Sim Deus é FIEL! Que ELE nos abençoe!  Que ELE receba o nosso louvor e nos dê a vitória de realizar o Ministério que Jesus Cristo nos confiou.

 

AMÉM!  

Publicado por Pr. Wilson

cumprindo a carreira que me foi proposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: